Ciência e Saúde

03/Jul/2022 10:00h
Por que somos mais sujeitos a tonturas ao envelhecer
30/Jun/2022 09:01h
Por que a desigualdade é um fator de risco para o Alzheimer
28/Jun/2022 09:00h
A vida depois de uma doença grave
26/Jun/2022 09:01h
O mito do abismo entre as gerações
24/Jun/2022 04:00h
Harvard responderá processo sobre fotos de escravos feitas para pesquisa racista em 1850
Ver todas

Exames

  • CURVA GLICÊMICA ENDOVENOSA

    Descrição:
    Sinonímia: GTT endovenoso.

    Material: Plasma. Volume mínimo: 0,5 mL,.

    Colheita, conservação: Colher sangue com anticoagulante (fluoreto).

    Preparo do paciente: Jejum de 10 a 16 horas. Colher amostra em jejum. Injetar por via endovenosa 0,5 g/kg de peso de glicose 25%, em 1 a 4 minutos. A colheita das amostras é feita no outro braço, aos 10, 20, 30, 40, 50 e 60 minutos.

    Método: Dosagem de glicose por método enzimático, automatizado.

    Interferentes: –-

    Valores normais: Normal: superior a 1,4

    Suspeito: de 1,0 a 1,4

    Diabetes Mellitus: inferior a 1,0

    Interpretação: O resultado expressa um índice obtido dividindo-se 70 pelo tempo necessário para decaimento pela metade dos níveis de glicemia aos 10 minutos. Geralmente este teste é utilizado para eliminar fatores relacionados à absorção de glicose pelo trato gastrointestinal.

    Exames relacionados: Glicemia, curva insulinêmica, curva glicêmica clássica.