Ciência e Saúde

03/Jul/2022 10:00h
Por que somos mais sujeitos a tonturas ao envelhecer
30/Jun/2022 09:01h
Por que a desigualdade é um fator de risco para o Alzheimer
28/Jun/2022 09:00h
A vida depois de uma doença grave
26/Jun/2022 09:01h
O mito do abismo entre as gerações
24/Jun/2022 04:00h
Harvard responderá processo sobre fotos de escravos feitas para pesquisa racista em 1850
Ver todas

Exames

  • COPROPORFIRINA (Dosagem na urina)

    Descrição:
    Sinonímia: -

    Material: Urina de 24 horas ou alíquota de 20,0 mL com volume total anotado.

    Colheita, conservação: Colher a urina em frasco escuro, com conservador alcalino (5g de bicarbonato de sódio por litro de urina). Conservar o material refrigerado e protegido da luz durante a colheita.

    Preparo do paciente: -

    Método: Colorimétrico.

    Interferentes: Vide ácido delta-amino-levulínico.

    Valores normais: 20 a 200 pg/24 horas.

    Interpretação: O teste é útil no diagnóstico das porfirias. A coproporfirina se encontra bastante elevada em porfíria eritropoiética congênita, coproporfiria hereditária e porfíria cutânea tarda. Outras patologias podem cursar com discretos aumentos de coproporfirina na urina: intoxicação por metais pesados, leucemias, linfomas, anemias hemolíticas e hepatopatias, entre outras.

    Exames relacionados: Uroporfirina, ácido delta-amino-levulínico, porfobilinogênio.