Ciência e Saúde

16/Set/2021 09:00h
Ideias para o atendimento da saúde em 2030
14/Set/2021 23:00h
Brasil volta a ter média móvel acima de 500 mortes diárias por Covid após 6 dias
14/Set/2021 19:23h
Combinação de tipos diferentes de vacinas contra a Covid pode ser vantajosa e gerar mais resposta
14/Set/2021 17:58h
Brasil, Índia e África do Sul foram focos de surgimento de novas variantes do coronavírus até junho,...
14/Set/2021 16:55h
Dois objetos com mais de 10 mil anos são achados dentro do estômago de crocodilo nos EUA
Ver todas

Exames

  • ROTAVÍRUS (pesquisa nas fezes)

    Descrição:
    Sinonímia: Vírus da gastroenterite infantil, duovírus, orbivírus, "Reovírus-like".

    Material: Fezes. Volume mínimo: 1,5 mL (a 20% em solução tampão de fosfatos com EDTA).

    Colheita, conservação: Se o exame não for realizado no mesmo dia, congelar a amostra.

    Preparo do paciente: Jejum não necessário.

    Método: Imunoenzimático.

    Valores normais: Negativo.

    Interpretação: Os rotavírus são responsáveis pela maior parte das gastroenterites agudas não bacterianas nos primeiros anos de vida. A detecção do rotavírus nas fezes permite diagnóstico etiológico precoce, evitando o uso desnecessário de antibióticos e orientando medidas epidemiológias adequadas. Podem ocorrer infecções mistas com rotavírus e bactérias e/ou protozoários; outros agentes virais podem também causar diarréia: enterovírus, adenovírus e vírus Norwalk,

    Exames relacionados: Protoparasitológico e coprocultura.