Ciência e Saúde

28/Jun/2022 09:00h
A vida depois de uma doença grave
26/Jun/2022 09:01h
O mito do abismo entre as gerações
24/Jun/2022 04:00h
Harvard responderá processo sobre fotos de escravos feitas para pesquisa racista em 1850
23/Jun/2022 17:00h
Kemune: a cidade de 3,4 mil anos que reapareceu no Iraque devido à seca
23/Jun/2022 09:01h
Vem aí a nutrição de precisão
Ver todas

Exames

  • REAÇÃO INTRADÉRMICA DE MONTENEGRO

    Descrição:
    Sinonímia: Reação intradérmica para leishmaniose.

    Material: Antígeno: polissacarídeo de Leishmania brasiliensis.

    Procedimento: Injeção intradérmica de 0,1 mL do antígeno. Leitura após 72 horas; se negativa, nova leitura após 7 dias.

    Método: Intradermo-reação.

    Interferentes: Corticosteróides ou imunossupressores.

    Valores normais: São consideradas positivas as reações com pápula de diâmetro igual ou superior a 10 mm.

    Interpretação: 0 teste é útil no diagnóstico de leishmaniose visceral ou calazar, em que reação positiva é encontrada em cerca de 60% dos casos.

    Exames relacionados: Sorologia para leishmaniose, identificação do agente em medula óssea.