Ciência e Saúde

23/Set/2021 14:27h
Nos EUA, homem com doença rara recebe rim transplantado do próprio marido
23/Set/2021 09:01h
Oficinas de teatro e dança com idosos vão virar espetáculos
22/Set/2021 09:00h
Gente do campo: Johanna Döbereiner descobriu que plantas podem gerar seu próprio adubo interagindo ...
21/Set/2021 09:00h
Atendimento deve englobar pacientes com demência e seus cuidadores
19/Set/2021 19:35h
Por que as drogas psicodélicas estão mais perto do mercado convencional
Ver todas

Exames

  • pH VAGINAL

    Descrição:
    Sinonímia: Pesquisa de acidez vaginal.

    Material: Secreção vaginal.

    Colheita, conservação: A secreção vaginal é colhida com o auxílio de alça de platina ou pipeta, e colocada imediatamente sobre a fita indicadora de pH, que deve cobrir uma faixa de pH entre 3,0 e 8,0.

    Preparo do paciente: A paciente não deve estar fazendo uso de medicações tópicas.

    Método: Colorimétrico.

    Interferentes: Uso de medicação tópica.

    Valores normais: De 3,5 a 4,5.

    Interpretação: A determinação do pH vaginal é útil no auxílio diagnóstico das infecções vaginais por germes que alteram o pH normal, como por exemplo as infecções por Gardnerella vaginalis, que cursam Com pH vaginal superior a 4,5.

    Exames relacionados: Cultura de secreção vaginal, antibiograma, Gram. de secreção vaginal, pesquisa de "clue cells", cultura para Gardnerella.