Ciência e Saúde

23/Set/2021 14:27h
Nos EUA, homem com doença rara recebe rim transplantado do próprio marido
23/Set/2021 09:01h
Oficinas de teatro e dança com idosos vão virar espetáculos
22/Set/2021 09:00h
Gente do campo: Johanna Döbereiner descobriu que plantas podem gerar seu próprio adubo interagindo ...
21/Set/2021 09:00h
Atendimento deve englobar pacientes com demência e seus cuidadores
19/Set/2021 19:35h
Por que as drogas psicodélicas estão mais perto do mercado convencional
Ver todas

Exames

  • TOXOPLASMOSE

    Descrição:
    Sinonímia: Reação de Sabin-Feldman, sorologia para toxoplasmose,

    Material: Soro Volume mínimo: 2,0 mL.

    Colheita, conservação: Se o exame não for realizado no mesmo dia, congelar a amostra.

    Preparo do paciente: Jejum de 8 horas.

    Método: Técnica de imunofluorescência indireta (IF) utilizando como substrato T.gondii e conjugados específicos anti-IgG e anti-IgM. Hemaglutinação passiva (HA). Fixação do complemento (FC).

    Valores normais: Ausência de anticorpos.

    Interpretação: Teste útil no diagnóstico e seguimento da toxoplasmose. São definidos 3 padrões sorológicos, cuja finalidade é determinar aproximadamente o período de início da infecção.

    Perfil I : infecção recente, com IgM positiva, IF-igG em geral com altos títulos (iguais ou superiores a 1:8000),

    FC com títulos elevados (iguais ou superiores a 1:160j e HA com títulos em gerai inferiores aos da IF-IgG.

    Perfil II : Fase de transição, com IF-IgM negativa, IF-IgG e HA com altos títulos.

    Perfil III: infecção antiga. com IF-IgM negativa, IF-IgG e HA em títulos baixos e FC negativa ou com títulos baixos.

    Exames relacionados: Sorologia para citomegalovírus e mononucleose.