Ciência e Saúde

03/Jul/2022 10:00h
Por que somos mais sujeitos a tonturas ao envelhecer
30/Jun/2022 09:01h
Por que a desigualdade é um fator de risco para o Alzheimer
28/Jun/2022 09:00h
A vida depois de uma doença grave
26/Jun/2022 09:01h
O mito do abismo entre as gerações
24/Jun/2022 04:00h
Harvard responderá processo sobre fotos de escravos feitas para pesquisa racista em 1850
Ver todas

Exames

  • SÍFILIS

    Descrição:
    Sinonímia: Sorologia para Lues, Wasserman.

    Material: Soro. Volume mínimo: 1,5 mL.

    Colheita, conservação: Se o exame não for realizado no mesmo dia, congelar a amostra.

    Preparo do paciente: Jejum de 8 horas.

    Método: Reações com antígenos não treponêmicos (cardioiipina): a) Wasserman (técnica de Kotmer) - Fixação do complemento; b) VDRL - Flocutação. Reação com antígeno treponêmico: a) FTA-ABS - Imunofluorescência indireta utilizando-se como substrato Treponema pallidum e conjugado anti-IgG ou gamaglobulina total humana, após absorção do soro com treponema de Reiter para remoção de anticorpo.; inespecfficos psrg.' T.pallidum.

    Interferentes: Lipemia.

    Valores normais: Ausência de anticorpos.

    Interpretação: As reações com antigenos não treponêmicos são úteis para diagnóstico e seguimento terapêutico, desde que os títulos encontrados sejam superiores a 1/32. Títulos menores podem ser decorrentes,':, de reações falso-positivas. Para afastar esta possibilidade utiliza-se a reação com antígeno treponêmico (FTA-ABS); se esta reação é positiva, confirma a presença de anticorpo específico; se negativa, com as reações de Kofmer ou VDRL positivas, estas podem ser consideradas como falso-positivas. Isto ocorre em certos processos crônicos, incluindo infecções e doenças auto-imunes. Após a terapêutica específica da sífilis os pacientes . podem apresentar títulos baixos nos testes de Kotmer e VDRL e FTA-ABS positivo por longos períodos, o que é conhecido como cicatriz sorológica.