Ciência e Saúde

23/Set/2021 14:27h
Nos EUA, homem com doença rara recebe rim transplantado do próprio marido
23/Set/2021 09:01h
Oficinas de teatro e dança com idosos vão virar espetáculos
22/Set/2021 09:00h
Gente do campo: Johanna Döbereiner descobriu que plantas podem gerar seu próprio adubo interagindo ...
21/Set/2021 09:00h
Atendimento deve englobar pacientes com demência e seus cuidadores
19/Set/2021 19:35h
Por que as drogas psicodélicas estão mais perto do mercado convencional
Ver todas

Exames

  • ADENOGRAMA

    Descrição:
    Sinonímia: Punção ganglionar, citológico de material ganglionar, punção-biópsia de gânglio.

    Material: Material obtido por punção ganglionar ou por imprint pós cirurgia. Colhe-se também sangue para exame hematológico e contagem de plaquetas.

    Colheita, conservação: Punciona-se o gânglio com agulha fina e realiza-se alguns esfregaços em lâminas limpas e secas, que são fixados em metanol.

    Preparo do paciente: Jejum não necessário.

    Método: Os esfregaços são examinandos após coloração com corantes panópticos. Para auxiliar o diagnóstico pode-se desenvolver testes citoquímicos. Exame hematológico e contagem de plaquetas são feitos concomitantemente.

    Interferentes: -

    Valores normais: O material normal é geralmente constituído de numerosos linfócitos maduros, pequeno número de linfoblastos e prolinfócitos e raras células da polpa ganglionar.

    Interpretação: Exame útil no diagnóstico diferencial das linfoadenopatias, que segundo Wintrobe podem ser classificadas em;

    1 - Reacionais (secundárias à resposta imune)

    1.1 - Infecciosas (bacterianas, virais e outras!

    1.2 - Não infecciosas

    2 - Devidas O infecção do gânglio por microrganismos

    2.2 - Infecções piógenas

    2.3 - Formação de granulomas

    3 - Evolução ou invasão ganglionares neoplásicas

    3.1 - Primárias do gânglio (lirifomas, leucemias linfóides, etc.)

    3.2 - Processos neoplásicos secundários (LMA, LMC, mielofibrose com hemopoiese ganglionar, metástases de carcinomas).

    4 - Enfermidades de causa desconhecida

    4.1 - Auto-imunes (LES, artrites, vasculites)

    4.2 - Reações a drogas

    4.3 - Enfermidades várias (sarcoidose, hipertiroidismo e outras)

    Exames relacionados: Hemograma, contagem de plaquetas, mielogramâ, sorologia para doenças que cursam com adenomegatia: mononucleose, toxopíasmose, lues, etc.